Guarda Revolucionária do Irã acusa EUA e sauditas de ataques

TEERÃ, 7 JUN (ANSA) - O Exército dos Guardiões da Revolução Islâmica acusou os Estados Unidos e a Arábia Saudita de estarem envolvidos nos ataques de hoje em Teerã, assumidos pelo Estado Islâmico.   

"Os atentados ocorreram há apenas uma semana do encontro entre o presidente Donald Trump e seus aliados na região", disseram. O grupo também prometeu se "vingar" do ataque. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos