Sicília inaugura moradia social em antiga casa da máfia

PALERMO, 9 JUN (ANSA) - Foi inaugurado nesta sexta-feira, dia 9, na cidade siciliana de San Giuseppe Jato, um centro de acolhimento de mães de baixa renda e vítimas de problemas sociais em uma propriedade que antes pertencia a uma família mafiosa. No local onde se encontra a agora moradia social "Rita Atria", morava o chefe mafioso da Cosa Nostra Bladassarre Di Maggio, também conhecido como Balduccio. Nas proximidades, também habitava outra família criminosa, a dos Brusca. O centro, localizado na via Falde 32, foi inaugurado na tarde desta sexta pela subsecretária da Presidência do Conselho de Ministros da Itália, Maria Elena Boschi, pelo subsecretário da Saúde, Davide Faraone, e pelo prefeito do município, Davide Licari. A propriedade foi confiscada em 2008, pertencendo à Prefeitura da cidade desde então. Graças a um financiamento comunitário do fundo de desenvolvimento regional de 300 mil euros, o município conseguiu reestruturar a casa, transformando-a em uma moradia social. O andar térreo do edifício será destinado a espaços de acolhimento e recepção. Já os primeiro e o segundo andares serão ocupados por quartos com 11 camas, que serão usadas dia e noite pelas futuras moradoras. Já o último andar contará com áreas comuns e com a cozinha. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos