'Johnny, o cigano', célebre bandido de Roma, escapa da prisão

CUNEO, 30 JUN (ANSA) - O criminoso italiano Giuseppe Mastini, mais conhecido como "Johnny, o cigano", e condenado à prisão perpétua por uma série de delitos cometidos na década de 1980, pode ter fugido.   

Beneficiado pelo regime semiaberto, Mastini, 57 anos, devia dar expediente em uma escola da Polícia Penitenciária na cidade de Cairo Montenotte, no noroeste da Itália, nesta sexta-feira (30), mas não se apresentou e agora é procurado pelas autoridades.   

Ele é um dos mais célebres bandidos do país e se envolveu com a criminalidade desde a juventude, quando assassinou um motorista de bonde no início da década de 1980. Preso, escapou da cadeia em duas ocasiões, mas, no verão europeu de 1983, foi detido de novo, após um tiroteio com a Polícia.   

Quatro anos mais tarde, em fevereiro de 1987, ganhou alguns dias de liberdade por "bom comportamento", porém acabou não voltando para a penitenciária e foi dado como foragido. Um mês depois, enquanto estava em um carro com sua namorada, Zaira Pochetti, foi interceptado por dois agentes, desencadeando uma perseguição cinematográfica pelas ruas de Roma.   

Na ocasião, Mastini roubou diversos carros, realizou assaltos, sequestrou uma garota, disparou contra uma patrulha, matou um policial e feriu outro, mas acabou capturado, assim como Pochetti. Em 1989, foi condenado à prisão perpétua, pena que cumpria na penitenciária de Fossano.   

Mastini também chegou a ser considerado suspeito de cumplicidade no homicídio do cineasta Pier Paolo Pasolini (1922-1975), já que era bastante próximo a Giuseppe Pelosi, o único condenado pelo crime. No entanto o "cigano" sempre negou envolvimento no assassinato.   

Funcionários da escola da Polícia Penitenciária de Cairo Montenotte, onde Mastini trabalha há sete meses, o descrevem como uma pessoa "tranquila" e "cordial" e não conseguem encontrar explicações para o desaparecimento, já que ele podia ter fugido muito antes.   

Oficialmente, o criminoso ainda não é considerado foragido, o que só acontecerá se ele não for encontrado até o fim desta sexta-feira. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos