Em dia de festa, China adverte Hong Kong sobre protestos

HONG KONG, 01 JUL (ANSA) - No dia das celebrações pelo 20º aniversário da retomada da soberania da China sobre Hong Kong, o presidente Xi Jinping advertiu neste sábado (1º) que não permitirá ações que coloquem em risco a "segurança e a estabilidade" do território.   

A declaração foi dada durante seu discurso na cerimônia de posse de Carrie Lam, eleita chefe-executiva do governo de Hong Kong em março passado, com o apoio de Pequim. Segundo Xi, a administração local deve "fazer mais" para aumentar a "educação patriótica".   

No entanto o presidente reafirmou seu compromisso com o projeto de "um país, dois sistemas", com base no qual Hong Kong foi cedido do Reino Unido para a China, em 1997. Há pouco mais de dois anos, o território foi palco de grandes manifestações de movimentos pró-democracia, cujo candidato, John Tsang, foi derrotado por Lam na eleição de março.   

Durante a cerimônia de posse da chefe-executiva, houve confrontos entre grupos pró-autonomia e pró-China, culminando na prisão de alguns manifestantes. Além disso, após a partida de Xi Jinping, foi realizada uma marcha anual contra a autoridade de Pequim. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos