Totti diz que será dirigente da Roma 'em breve'

ROMA, 13 JUL (ANSA) - Ainda sem definir seu futuro, o ex-craque da Roma Francesco Totti se reuniu nesta quinta-feira (13) com o presidente do clube giallorosso, James Pallotta, para discutir sua contratação para um cargo de dirigente.   


O encontro ocorreu em um hotel da capital italiana e durou cerca de uma hora. "Correu tudo bem, estou satisfeito com o encontro, mas ainda não sou dirigente da Roma", declarou Totti. Perguntado sobre quando isso se tornará realidade, respondeu: "Em breve".   


Em seguida, o ex-craque e Pallotta se cumprimentaram e deixaram o hotel. Maior ídolo da história da Roma, Totti se despediu do clube no último dia 28 de maio, e desde então a imprensa italiana especula sobre seu futuro.   


De lá para cá, ele não disse em nenhum momento que havia abandonado os gramados definitivamente, mas a hipótese de virar dirigente vem ganhando força. Na semana passada, o diretor esportivo do time da capital, Monchi, afirmou que as portas estão "abertas" para Totti.   


"Esta é sua casa, ele não precisa nem bater. Já tem as chaves", declarou. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos