Vítimas de ataque no Egito seriam alemãs, diz tabloide

BERLIM, 14 JUL (ANSA) - As vítimas do ataque a um resort de Hurghada, no Egito, seriam duas turistas alemãs. A informação é do tabloide "Bild", que cita fontes das forças de segurança egípcias. Pouco antes, circularam rumores que apontavam que as duas pessoas mortas eram ucranianas.   

Uma testemunha que estava no hotel contou ao jornal "Masry al Youm" que o terrorista, vestido com uma camiseta preta e calça jeans, gritava "não quero os egípcios, não é vocês que procuramos", em árabe. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos