Ataque do Talibã mata mais de 30 pessoas no Afeganistão

CABUL, 24 JUL (ANSA) - Ao menos 35 pessoas morreram em um atentado terrorista realizado na manhã desta segunda-feira (24) em Cabul, capital do Afeganistão, informam as autoridades do país. A ação foi reivindicada pelo Talibã.   

Um homem-bomba se explodiu próximo a um ônibus que transportava funcionários do Ministério do Petróleo em um horário em que as ruas da cidade estavam lotadas de pessoas. Segundo o Ministério da Saúde, 24 pessoas morreram na hora e outras 42 ficaram feridas, mas fontes da entidade já informam que o número de mortos chega a 35.   

Em nota, o Ministério do Interior informou que o ato foi "um ataque criminoso contra a humanidade". Para o titular da pasta, Basir Mujahed, o atentado ocorreu "em um das horas mais agitadas do dia".   

"Há muito tráfego de carros com pessoas indo para trabalhar, para universidades, para escolas. Muitas lojas tinham recém aberto", destaca ainda.   

O local do ataque talibã ainda ocorreu em uma área repleta de casas de parlamentares e políticos do país, como do vice-coordenador do governo afegão, Muhammad Muhaqiq. Segundo o porta-voz do governo de Cabul, Omid Maisom Mohaqeq, "acreditamos que ele queria atingir a casa dele, mas foi bloqueado por guardas". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos