Israel retira últimas barreiras de Esplanada das Mesquitas

ROMA, 27 JUL (ANSA) - Israel removeu nesta quinta-feira (27) os últimos mecanismos de controle que restavam no acesso ao Monte do Templo, também chamado de Esplanada das Mesquitas para os muçulmanos, em Jerusalém. Foram retiradas todas as barreiras que eram usadas para o controle de fluxo de pessoas e que levavam até os detectores de metais. O local tinha sido equipado com detectores de metais há duas semanas devido a um atentado terrorista cometido por árabes-israelenses que mataram dois policiais. Desde então, Israel havia adotado medidas para reforçar a segurança do local sagrado, mas a decisão gerou tensão com muçulmanos que frequentam a Esplanada para orações. Muitos se recusaram a entrar na Esplanada para rezar. Além disso, foram convocados protestos nas ruas. O movimento Hamas, que ontem voltou a ser listado como grupo terrorista pela União Europeia (UE), mantém agendada uma manifestação para amanhã (28). De acordo com o governo israelense, os detectores de metais serão substituídos ao longo dos próximos meses por câmeras de vigilância de alta tecnologia que poderão fazer reconhecimento facial de suspeitos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos