Taxa de desemprego na Itália surpreende e cai em junho

ROMA, 31 JUL (ANSA) - A taxa de desemprego surpreendeu e caiu para 11,1% no mês de junho, informou o Instituto de Estatísticas Italiano (Istat) nesta segunda-feira (31). A retração de 0,2% levou os dados para os mesmos níveis daqueles registrados em abril deste ano e igualaram os resultados de outubro de 2012.   

Os analistas esperavam que a taxa para o mês ficasse estável, em 11,3%, após a alta registrada em maio deste ano.   

O bom resultado foi puxado pela alta de emprego entre as mulheres, que em junho atingiram 48,8% da população feminina ocupada. O número é o maior já registrado desde o início da série histórica, em 1977.   

Já entre os jovens, o desemprego voltou a cair (-1,1%) após os resultados ruins de maio e chegou 35,4% em junho. Em dados gerais, houve a criação de 23 mil novos postos de trabalho durante o mês.   

"Istat Boas notícias sobre o trabalho. Menos desempregados, também entre os jovens. Aumentou o trabalho das mulheres.   

Confiança nos resultados da Jobs Act e no retorno do crescimento", escreveu o premier italiano, Paolo Gentiloni, em sua conta no Twitter. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos