Wikileaks divulga mais de 20 mil emails de campanha de Macron

ROMA, 31 JUL (ANSA) - O site Wikileaks divulgou 21.075 emails relacionados à campanha presidencial de Emmanuel Macron, atual mandatário francês, nesta segunda-feira (31). De acordo com o portal, os mais de 20 mil documentos foram enviados entre 20 de março de 2009 e 24 de abril de 2017.   

Ao todo, o portal fundado por Julian Assange tem um arquivo com 71.848 emails relacionados a Macron, mas informou que a maior parte deles não passou pela certificação do site.   

A divulgação ocorre pouco tempo depois da campanha do presidente ter denunciado que estava sofrendo um "maciço ataque" de hackers para roubar informações a favor da rival de Macron nas eleições, a líder do Frente Nacional, Marine Le Pen.   

O segundo turno das eleições na França, que elegeu o novo presidente, foi realizado no dia 7 de maio.   

Na época, eles acusaram hackers a mando do governo russo de fazer os ataques cibernéticos. Na última semana, um relatório acusou agentes dos serviços de Inteligência de Moscou de tentar roubar dados pessoais do francês através de contas falsas no Facebook. Os russos sempre negaram as acusações. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos