Chanceleres se reúnem de novo para tratar crise na Venezuela

SÃO PAULO, 8 AGO (ANSA) - Ministros das Relações Exteriores da América do Sul irão se reunir mais uma vez nesta terça-feira (8) para discutir a crise política na Venezuela. O encontro ocorrerá em Lima, no Peru, três dias após os chanceleres debaterem em São Paulo a situação do país e decidirem excluir a Venezuela do Mercosul.   

Representantes de 14 países latino-americanos participarão do encontro, convocado pelo Peru. O brasileiro Aloysio Nunes Ferreira irá dizer na reunião que "as últimas ações do governo de Nicolás Maduro, como a convocação da Assembleia Constituinte, confirmam a ruptura da ordem democrática", informou o Itamaraty. "O Brasil buscará que os países reunidos em Lima enviem clara mensagem de solidariedade ao povo venezuelano, demonstrando o compromisso inabalável da região com restauração da democracia, das liberdades individuais e da paz social na Venezuela, por meio do diálogo e da negociação", disse um comunicado do Ministério. No sábado (5), o Mercosul, cuja Presidência temporária está com o Brasil, decidiu suspender a Venezuela com base no Protocolo de Ushuaia, a cláusula democrática que rege o bloco. Outras duas pessoas morreram nas últimas horas em protestos contra o governo de Maduro nos estados de Bolívar e Lara, elevando para 123 o número de vítimas desde o início das manifestações, em abril. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos