Quase 20 cidades da Itália terão onda de calor nesta quarta

ROMA, 08 AGO (ANSA) - Após a Itália ter vivido sua semana mais quente de 2017, pelo menos 17 cidades do país devem amanhecer nesta quarta-feira (9) com o "selo vermelho" por causa do calor.   

Na classificação do Ministério da Saúde, isso significa "condições de emergência com possíveis efeitos negativos sobre a saúde de pessoas saudáveis e ativas".   

Ou seja, as elevadas temperaturas podem afetar não apenas as faixas de risco, como idosos, bebês e doentes crônicos, mas sim toda a população. As 17 cidades que terão o "selo vermelho" nesta quarta estão distribuídas por quase toda a Itália, desde Bolonha, no norte, até Palermo, Catânia e Messina, na ilha da Sicília, passando pela capital Roma.   

As outras cidades que devem registrar ondas de calor são: Bari (Puglia), Cagliari (Sardenha), Campobasso (Molise), Civitavecchia (Lazio), Florença (Toscana), Frosinone (Lazio), Latina (Lazio), Nápoles (Campânia), Perúgia (Úmbria), Reggio Calabria (Calábria), Rieti (Lazio) e Viterbo (Lazio). É esperada uma redução das temperaturas em Bolonha, Civitavecchia e Florença na próxima quinta-feira (10), mas os municípios restantes devem continuar com o selo vermelho. Em todo o país, apenas as regiões do extremo-norte já tiveram um alívio nos termômetros.   

Nas outras partes da península, as temperaturas devem começar a cair a partir de sexta-feira (11), com previsão de queda de até 10ºC em algumas zonas. Na semana passada, diversas cidades italianas registraram mais de 40ºC, e na ilha da Sardenha a sensação térmica ultrapassou os 50ºC.   

A onda de calor também tem provocado uma série de incêndios florestais no centro-sul da Itália e uma crise hídrica que pode fazer pelo menos 10 regiões declararem estado de emergência.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos