Cidades se unem por título de 'Capital Italiana da Cultura'

SIENA, 11 AGO (ANSA) - Os municípios de Montepulciano, Chiusi e Torrita di Siena, na província de Siena, e Castiglione del Lago, em Perugia, se candidataram nesta sexta-feira (11) para concorrerem juntos ao título de "Capital Italiana da Cultura" de 2020.   


De acordo com a Fundação Internacional de Arte, instituição que irá preparar o documento para ser apresentado ao ministro da Cultura até 15 de setembro, a estratégia que o "grande território" irá organizar será decidido conjuntamente pelas quatro cidades, que vão enfrentar a região de Val di Chiana, localizada na província de Arezzo.   


A ideia é se tornar um ponto de referência a nível nacional e internacional, e garantir uma contribuição de um milhão de euros do Ministério da Cultura. O projeto dá vida a uma "mistura virtuosa" entre a cultura e a arte praticada por profissionais de todas as regiões. Além disso, é uma oportunidade dos cidadãos terem uma formação continua com especialistas, que trabalharão online em plataformas especiais que abrange diversos idiomas.   


O território poderia atrair outros investimentos para criar ou apoiar iniciativas a serem implementadas durante o ano, ou apenas consolidar já no patrimônio cultural dos quatro municípios. Desta forma, a área formada pelas cidades se tornaria um lugar onde a arte a cultura seriam produzidas de forma sustentável e envolvente para os cidadãos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos