Itália terá 'noite de estrelas cadentes' neste fim de semana

ROMA, 11 AGO (ANSA) - A Itália celebrou nesta quinta-feira (10) o famoso dia de São Lourenço, data que coincide com a chamada "noite das estrelas cadentes". No entanto, neste ano, o fenômeno poderá ser observado apenas entre os dias 12 e 13 de agosto.   


A data, em memória a São Lourenço, um dos sete primeiros diáconos da Igreja romana, ordenado pelo Papa Sisto II, foi associada com as estrelas cadentes porque o dia marca o período em que é vísivel a chuva de meteoros "Perseidas".   


Na ocasião, os meteoros passam através da órbita terrestre no período estivo do hemisfério norte, a partir do fim de julho até 20 de agosto. Visível a olho nú, a chuva de meteoros tem seu pico de visibilidade no dia 12, podendo ser vistas cerca de 100 "estrelas cadentes" por hora. Cientificamente, na verdade, são apenas os resíduos da cauda do cometa Swift Tuttle, que retorna a cada 133 anos em partes da terra. As "estrelas cadentes" são chamadas portanto de "Lágrimas de São Lourenço". A tradição é ir para um lugar alto e torcer para ter uma noite de céu limpo.   


Para comemorar o evento, diversas associações de astronomia vão realizar uma noite dedicada à observação das estrelas cadentes.   


A data está ligada à iniciativa "Taças das Estrelas", organizada pelo Movimento de Turismo de Vinho e pela União de Astrônomos Italianos.   


Na noite da "chuva de meteoro", os italianos comemoram a data com vinho e poesia, inclusive com citações sobre estrelas cadentes que têm sido uma fonte de inspiração para grandes personalidades como Dante Alighieri , Giovanni Pascoli e Giuseppe Verdi. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos