PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Agressor de Palácio de Buckingham gritou 'Allahu Akbar'

26/08/2017 11h43

ROMA, 26 AGO (ANSA) - O homem que tentou atacar ontem (25) o Palácio de Buckingham com uma faca gritou "Allahu Akbar", expressão em árabe que significa "Deus é grande" e frequentemente usada por terroristas durante atentados. A informação foi relevada neste sábado (26) pela imprensa britânica, citando fontes da polícia de Londres. O homem também não carregava uma faca comum, mas sim, uma espada com cerca de 1 metro de comprimento. O agressor tem 26 anos de idade e foi preso por tentativa de assalto à polícia, enquadrado na Lei do Terrorismo.   

O Palácio de Buckingham é a sede da monarquia inglesa. Policias notaram que um veículo suspeito se aproximava e abordaram o motorista, que reagiu pegando a espada de 1 metro e comprimento.   

Três agentes ficaram feridos, mas conseguiram deter o suspeito com o uso de um spray. O caso está sendo tratado como terrorismo, mas as autoridades acreditam que o homem agira sozinho. A Inglaterra já foi alvo de vários atentados neste ano. Em 22 de março, um homem matou cinco pessoas em frente ao Palácio de Westminster, a sede do Parlamento. Já na cidade de Manchester, em maio, uma bomba foi detonada durante o show da cantora Ariana Grande. Em junho, os alvos foram a Londron Bridge e o Borough Market, com um saldo de sete mortes. Todos os ataques foram reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI). (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional