PUBLICIDADE
Topo

Internacional

EI assume tentativa de ataque com facão em Bruxelas

27/08/2017 13h24

SÃO PAULO, 27 AGO (ANSA) - O grupo extremista Estado Islâmico (EI) assumiu o ataque cometido na última sexta-feira (25) em Bruxelas, na Bélgica, quando um homem tentou agredir militares com um facão. De acordo com a especialista em contraterrorismo Rita Katz, da agência SITE, a revista oficial do EI, a Amaq, publicou que o agressor "é um soldado do Estado Islâmico". O terrorista, de 30 anos de idade, não estava na lista de suspeitos de extremismo na Bélgica. Os militares alvos da ação conseguiram reagir e mataram o agressor, que gritou "Allahu Akbar" (Deus é grande), expressão em árabe frequentemente usada por jihadistas em atentados. O ataque em Bruxelas ocorreu no mesmo dia em que um homem com uma espada de 1 metro de comprimento tentou invadir o Palácio de Buckingham, em Londres, sede da monarquia britânica. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional