PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Trump anuncia corte de taxas e diz que não será beneficiado

27/09/2017 19h58

NOVA YORK, 27 SET (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, apresentou nesta quarta-feira (27), em Indianápolis, um projeto de reforma fiscal que promete um sistema mais "simples e justo" para a classe média.   

A proposta também foi levada pela Casa Branca e pelo Partido Republicano ao Congresso e inclui uma diminuição de 39,6% para 35% na alíquota mais alta do imposto de renda, que atinge a parcela mais rica da população, os que ganham acima de US$ 418 mil por ano.   

Além disso, o governo pretende reduzir o número de faixas do imposto para três: 12%, 25% e 35%. Atualmente, são sete patamares: 10%, 15%, 25%, 28%, 33%, 35% e 39,6%. Trump também quer isentar de taxação os primeiros US$ 24 mil que um casal ganha - o valor atual é de US$ 12 mil.   

Para o setor privado, o presidente propôs uma redução de 35% para 20% no imposto corporativo sobre o rendimento das empresas, número cinco pontos percentuais acima do que havia sido prometido pela Casa Branca em abril passado.   

"É um corte de impostos para a classe média, um código mais simples e justo. Não vou me beneficiar, podem acreditar", disse Trump em Indianápolis. Analistas temem que a redução tributária possa aumentar o déficit no orçamento, mas o governo alega que o próprio crescimento econômico compensará a desoneração. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional