Trump visita Porto Rico para avaliar danos de furacão Maria

WASHINGTON, 3 OUT (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, visita nesta terça-feira (3) Porto Rico, território norte-americano, para avaliar os estragos provocados pelo furacão Maria, que deixou 16 mortos.   

O republicano aterrissou por volta das 11h45 local na base aérea Luis Muñiz, da Guarda Nacional porto-riquenha, acompanhado da primeira-dama norte-americana, Melania. Seu primeiro compromisso foi um encontro com socorristas e funcionários federais.   

Durante seu discurso na ilha, Trump disse estar orgulhoso porque somente 16 pessoas morreram em comparação com os "milhares de mortos em uma catástrofe verdadeira como foi o furacão Katrina", que deixou 1833 vítimas.   

"Dezesseis contra milhares. Vocês podem ficar muito orgulhosos de seu povo e todos trabalhando juntos", afirmou o chefe de Estado norte-americano.   

Além disso, Trump elogiou o trabalho do governador de Porto Rico. Em tom de brincadeira, ele disse que a ilha "extrapolou o orçamento" federal por causa do furacão.   

Em sua visita, o republicano será informado sobre o andamento dos trabalhos de reconstrução de infraestruturas. Ele também sobrevoará de helicóptero alguns dos locais destruídos por Maria e se encontrará com algumas pessoas atingidas pelo fenômeno.   

O furacão Maria chegou a Porto Rico na categoria 4, com ventos máximos de 250 km/h, segundo o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (NHC). O fenômeno foi a segunda tempestade a atingir o Caribe no mês de setembro. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos