Polícia faz operação na sede da Vivendi em Paris

MILANO, 5 OUT (ANSA) - A polícia de Milão, em parceria com as autoridades francesas, realiza uma operação nesta quinta-feira (5) na sede do grupo de mídia francês Vivendi em Paris. As buscas fazem parte da investigação sobre um suposto abuso de mercado relacionado à compra de uma participação no grupo de TV italiano Mediaset.   

Além disso, os escritórios do banco Natixis também foram vasculhados, de acordo com o grupo francês. As buscas ocorrem após pedido enviado por promotores de Milão às autoridades francesas há vários meses. A Vivendi disse que a operação de hoje é o resultado de uma "acusação infundada e injusta" do ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi, cuja holding Fininvest apresentou uma denúncia criminal em dezembro alegando manipulação de mercado por parte da Vivendi.   

No ano passado, a empresa francesa começou a acumular ações da Mediaset no mercado aberto, gastando na operação cerca de 1,26 bilhão de euros por uma fatia de quase 30%. A Fininvest acusou o grupo de ter reduzido o valor das ações da empresa para depois recomprá-las com um preço menor. "A administração da Vivendi reafirma que adquiriu sua participação na Mediaset de forma totalmente legal e transparente e continua absolutamente confiante no desenlace desta desavença", afirmou o grupo em comunicado, confirmando a invasão em seus escritórios. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos