Tribunal determina libertação de Cesare Battisti (2)

SÃO PAULO, 06 OUT (ANSA) - O Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região, com sede em São Paulo, concedeu nesta sexta-feira (6) habeas corpus determinando a libertação imediata de Cesare Battisti, preso desde a última quarta (4) em Corumbá (MS). Segundo o advogado do italiano, Igor Sant'Anna Tamasauskas, trata-se de uma medida liminar. "A defesa esclarece, ainda, que está adotando as providências cabíveis para que Battisti seja solto ainda nesta noite", declarou Tamasauskas.   

Procurado pela ANSA, o advogado disse que seu cliente voltará para casa assim que a Polícia Federal no Mato Grosso do Sul for informada da decisão e tomar as providências necessárias para soltá-lo.   

Battisti havia sido detido na última quarta-feira, ao tentar entrar na Bolívia com o equivalente a cerca de R$ 23 mil em moeda estrangeira, valor acima do limite de R$ 10 mil com o qual é possível sair do país sem declarar à Receita.   

Em depoimento à Polícia Federal, o italiano disse que havia viajado a Corumbá para "pescar" e que iria à Bolívia para "comprar roupas de couro". Ele viajava com mais dois amigos, Paulo Neto Ferreira de Almeida e Vanderlei Lima Silva, e é acusado de evasão de divisas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos