Ataque terrorista mata ao menos 20 na capital da Somália

MOGADÍSCIO, 14 OUT (ANSA) - Um ataque com caminhão-bomba matou pelo menos 20 pessoas no centro de Mogadíscio, capital da Somália, neste sábado (20).   

A explosão ocorreu em uma rua bastante movimentada da metrópole, que tem cerca de 2,4 milhões de habitantes. Segundo o capitão Mohamed Hussein, o veículo foi detonado quando estava para ser inspecionado pela polícia. O objetivo inicial seria atingir um hotel.   

O atentado ocorreu dois dias depois de um encontro em Mogadíscio entre o presidente da Somália, Mohamed Abdullahi Mohamed Farmajo, e expoentes do comando dos Estados Unidos na África.   

Além disso, também dois dias atrás, o governo perdeu dois membros de seu alto escalão, o ministro da Defesa Abdirashid Abdullahi Mohamed e o chefe das Forças Armadas Ahmed Jimale.   

Nos últimos meses, o grupo fundamentalista islâmico Al Shabab aumentou seus ataques contra bases militares no centro e no sul da Somália, mas o atentado deste sábado ainda não foi reivindicado.   

O país é um dos mais vulneráveis do mundo por causa da pobreza disseminada, da atuação de milícias terroristas e da instabilidade política. Em março passado, o governo somali chegou a declarar estado de calamidade nacional por causa da fome. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos