Arábia Saudita permitirá mulheres em estádio a partir de 2018

ROMA, 30 OUT (ANSA) - Depois de conseguirem o direito de dirigir, as mulheres na Arábia Saudita também poderão, pela primeira vez, frequentar arenas esportivas, anunciaram nesta segunda-feira (30) as autoridades locais.   

A medida entrará em vigor a partir do próximo ano e vai autorizar toda as mulheres a entrarem com suas famílias nos estádios das três maiores cidades do país, Riyadh, Jeddah e Dammam.   

Segundo as autoridades, como as arenas esportivas sauditas são lugares frequentados apenas por homens, os três locais serão adaptados para poderem acomodar as famílias já no início de 2018.   

Entre as mudanças haverá a instalação de cafés, telas de monitoramento e banheiros femininos.   

O país é considerado um dos mais conservadores, sobretudo em relação às mulheres. No entanto, nos últimos meses, por causa de diversas críticas internacionais, o reino parece estar tentando suavizar algumas restrições.   

No início do ano, o Ministério da Educação permitiu que garotas pratiquem esportes nas escolas públicas. Além disso, o rei Salman Bin Abdulaziz Al Saud aprovou um decreto que autoriza todas as mulheres do país a conduzirem automóveis a partir de junho do próximo ano. As restrições se devem ao sistema político e religioso vigente.   

O wahabismo, uma interpretação mais rígida da lei islâmica, é a fé dominante na Arábia Saudita. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos