França ultrapassa Itália na exportação de vinho ao EUA

ROMA, 6 NOV (ANSA) - Pela primeira vez em oito anos, a França ultrapassou a Itália e tornou-se a maior exportadora de vinhos para os Estados Unidos, em termos financeiros, informou um relatório divulgado nesta segunda-feira (6) pelo Observatório Business Strategies. De acordo com o levantamento, feito em parceria com a Nomisma-Wine Monitor, os dados financeiros do terceiro trimestre mostraram que, no ano, os franceses já exportaram 1,220 bilhão de euros contra 1,210 bilhões de euros dos italianos para o maior mercado consumidor do mundo. "A Itália perdeu a primazia mais ampla e a perde mal se pensarmos que a França é a líder de mercado nos três maiores do mundo - Estados Unidos, Grã-Bretanha e China. Mas, faz ainda mais mal perceber como, em um ano de grande crescimento nos pedidos de vinho no mundo, os EUA tornaram-se o mapa da nossa redução na competitividade nos mercados globais, fruto de ações de marketing fracas e nunca sinérgicas", disse a CEO do Business Strategies, Silvana Ballotta.   


Em números mais detalhados, o valor da venda dos vinhos franceses nos EUA aumentou 18,8% nos nove primeiros meses, sendo mais de seis vezes maior do que o registrado pelos italianos (3%). A Itália também perde na comparação do crescimento total das importações de vinhos (8%). Com isso, o "Belpaese" vê diminuir sua participação no mercado, que era de 32,7% em 2016 para 31,1% neste ano sobretudo pelo efeito da estagnação das vendas de vinho engarrafado, onde ainda permanece líder (962 milhões de euros), mas com uma alta de apenas 1,6% na comparação com o ano passado. Nesse setor, no mesmo período, a França registrou uma alta de 21,4% e uma média de importação de 5,9%. Em volume líquido, no entanto, a Itália ainda tem o dobro das vendas no país.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos