Cannavaro se despede do Tianjin e pode substituir Felipão

ROMA, 07 NOV (ANSA) - O técnico italiano Fabio Cannavaro, 44 anos, deixou o comando do Tianjin Quanjian, da China, clube que treinava desde 2016 e que conta com o brasileiro Alexandre Pato, e é cotado para substituir Luiz Felipe Scolari no Guangzhou Evergrande, principal time do país asiático.   


O ex-zagueiro havia entrado no lugar de Vanderlei Luxemburgo e levou o Tianjin ao título da segunda divisão e ao acesso à elite do futebol chinês. Na última temporada, encerrou a Superliga na terceira posição.   


Já o Guangzhou, heptacampeão chinês, deve procurar um novo treinador, uma vez que Felipão decidiu não renovar seu contrato.   


Cannavaro, que treinara o clube entre 2014 e 2015, antes da chegada do brasileiro, é o favorito para assumir seu lugar.   


Por sua vez, o Tianjin anunciou o português Paulo Sousa, ex-Fiorentina, para o lugar do técnico italiano. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos