Papa Francisco proíbe venda de cigarros dentro do Vaticano

CIDADE DO VATICANO, 9 NOV (ANSA) - O papa Francisco decidiu proibir a venda de cigarros dentro do Vaticano a partir do ano que vem, informou hoje (9) o porta-voz da Santa Sé, Greg Burke. De acordo com Burke, a decisão foi tomada porque "o Vaticano não pode continuar permitindo algo que prejudica, claramente, a saúde das pessoas".   

"A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que, anualmente, o fumo causa a morte de 7 milhões de pessoas", comentou o porta-voz. O representante admitiu que a venda de cigarros gera lucros para o Vaticano, mas que "nenhum direito é legítimo se coloca em risco a vida humana". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos