Trump chega às Filipinas e é recebido com protesto

LONDRES, 12 NOV (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi recebido com protestos em Manila, nas Filipinas, neste domingo (12). A manifestação foi tão intensa que a polícia precisou usar jatos de água para dispersar o público e impedir um confronto diante da embaixada norte-americana na capital filipina. O republicano, que está há uma semana em viagem pela Ásia, desembarcou hoje no país, após participar no Vietnã de uma cúpula da Cooperação Econômica da Ásia e do Pacífico (Apec). "Chega de imperialismo" e "Trump não é bem-vindo" foram alguns dos slogans da manifestação. "Trump é um general do governo imperialista dos Estados Unidos", disse o estudante Alexis Danday, de 18 anos, que participou do protesto. Especialistas já alertavam que a visita de Trump às Filipinas seria um teste diplomático ao republicano, que se reunirá com o líder local, Rodrigo Duterte. Duterte é um presidente envolvido em polêmicas. Desde que tomou posse, há pouco mais de um ano, adota políticas de linha dura contra o tráfico de drogas e é acusado de permitir dezenas de execuções no país.   

As relações entre EUA e Filipinas eram estáveis, mas se degradaram quando Duterte assumiu e fez críticas e provocações ao governo de Barack Obama, chamando-o de "filho da p...". Nas Filipinas, Trump participará de uma cúpula da Associação de Nações do Sudeste Asiático (ASEAN). Será seu último compromisso antes de voltar aos EUA. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos