Soldado norte-coreano é baleado ao fugir para Coreia do Sul

PEQUIM, 13 NOV (ANSA) - Um soldado norte-coreano foi baleado por compatriotas por fugir para o lado sul-coreano da área desmilitarizada na fronteira entre as duas nações, informaram militares de Seul nesta segunda-feira (13).   

Apesar de ter sido atingido pelos tiros dos compatriotas, ele chegou com vida ao território da Coreia do Sul e foi levado para um hospital local. O episódio, ocorrido próximo ao vilarejo de Panmunjom, fez com que as autoridades elevassem ainda mais o nível de alerta entre os dois países por "possíveis provocações" aos agentes de Seul.   

Eles acreditam que o regime de Pyongyang possa colocar os militares em situações de prontidão em caso de uma necessidade de intervenção. Isso porque esse é o único ponto da área desmilitarizada em que os soldados dos dos países ficam frente a frente.   

O Comando do Estado Maior confirmou o resgate, mas não deu as informações sobre a saúda do norte-coreano. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos