Conheça as 10 exposições mais visitadas da Itália em 2017

VENEZA, 29 DEZ (ANSA) - Conhecida por ser uma superpotência cultural, a Itália recebeu ao longo do ano, em suas principais cidades, diversas exposições que atraíram milhares de pessoas de todo o mundo. Com toda essa popularidade alcançada pelas mostras, a ANSA divulgou um ranking nesta quinta-feira (28) na qual classifica as 10 exposições mais visitadas do "país da bota".   


Confira a lista: 1º - Bienal de Veneza (Veneza): Disparada em primeiro lugar, a Bienal de Veneza, batizada de "Viva Arte Viva", ficou no topo do ranking. A 57ª edição da exposição bateu um novo recorde de visitação em sua história ao receber 651.152 visitantes. A mostra foi realizada entre os dias 13 de maio e 26 de novembro, com 120 artistas de 51 países.   


2º - "Tesouros do naufrágio do inacreditável" (Veneza): Com pouco mais de 360 mil visitas, a exposição "Tesouros do naufrágio do inacreditável", de Damien Hirst, foi a segunda mais vista na Itália. Realizada entre os dias 9 de abril e 3 de dezembro, o artista inglês levou para as pessoas os tesouros da antiguidade de sua criatividade inquietante e provocativa.   


3º - "Histórias do impressionismo" (Treviso): Entre os dias 1º de maio e 29 de outubro, Treviso recebeu a exposição "Histórias do impressionismo", que foi um sucesso. A mostra, realizada no museu Santa Caterina, recebeu 330 mil visitantes. A exposição celebrou os 20 anos de carreira do historiador de arte Marco Goldin e reuniu mais de 140 obras.   


4º - "Labirintos do coração. Giorgione e as estações de sentimento entre Veneza e Roma" (Veneza e Roma): Com 273 mil visitantes, a exposição é a quarta colocada no ranking. Ela foi realizada em Veneza e Roma, sendo sucesso em ambas as cidades. A mostra ficou aberta ao público entre os dias 24 de junho e 17 de setembro, tendo mais de 80 obras de arte. Nela foi representada a história de ambas cidades, com quadros e esculturas de artistas italianos do século 16.   


5º - "Esculturas de vidro e osso 1977-2017": Projetada por Jan Fabre, outra exposição feita em Veneza apareceu na lista. A mostra, que foi realizada entre os dias 13 de maio e 26 de novembro, recebeu pouco mais de 250 mil visitantes. As obras do artista belga foram pigmentadas com ossos pulverizados.   


6º - "Keith Haring. Sobre arte" (Milão): No palácio Reale, em Milão, a exposição foi feita entre os dias 21 de fevereiro e 18 de junho, recebendo mais de 180 mil visitantes. A mostra apresentou ao público diversas obras do artista e ativista norte-americano Keith Haring.   


7º - "Amor. A arte contemporânea encontra o amor" (Roma): Na sétima posição com 150 mil visitantes, a exposição foi realizada entre os dias 5 de março e 29 de setembro, sendo um sucesso na capital italiana. A mostra colocou em exposição obras com o tema amor, de diversas grandes artistas contemporâneos. 8º - "Artemisia Gentileschi e seu tempo" (Roma): A exposição reuniu entre os dias 8 de maio e 30 de novembro, dezenas de obras da pintora italiana Artemisia Gentileschi. A mostra recebeu 127 mil visitantes e foi um sucesso no museu de Roma.   


9º - "O museu efêmero da moda" (Florença): 112 mil pessoas foram visitar a exposição que teve como tema principal a história da moda. A mostra foi realizada entre os dias 13 de junho e 22 de outubro, no museu da Moda e no palácio Pitti, em Florença. 10º - "Guercino em Piacenza" (Piacenza): Para fechar o top 10, o célebre artista Guercino teve suas obras expostas em Piacenza, entre os dias 4 de março e 4 de junho. A mostra recebeu cerca de 100 mil pessoas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos