M5S encerra inscrições de candidatos para eleições

ROMA, 03 JAN (ANSA) - O Movimento 5 Estrelas (M5S), maior partido de oposição da Itália, encerrou às 17h (horário local) desta quarta-feira (3) as inscrições para quem desejava se candidatar pela sigla a uma vaga no Parlamento nas eleições de 4 de março.   

O site que recolhe os pedidos de candidatura chegou a ficar fora do ar por alguns instantes, mas a operação foi retomada durante o dia. Os inscritos serão submetidos a uma "primária" online entre os filiados do movimento, que deve apresentar todos os seus postulantes até o fim de janeiro.   

"As autocandidaturas para as primárias são um sucesso. Tantas pessoas estão participando dessa prova de democracia dentro do Movimento 5 Estrelas, única força política que se abre às pessoas de boa vontade e as faz serem votadas pelos inscritos, e não por líderes de partidos", diz um texto no blog do fundador da legenda, Beppe Grillo.   

O mecanismo de participação direta do M5S é controlado pela empresa de consultoria Casaleggio Associati e é alvo de acusações de falta de transparência e conflito de interesses. O movimento não possui uma sede física e se define como um "não-partido".   

Atualmente, as pesquisas colocam a legenda como a preferida dos eleitores, mas sua recusa em fechar alianças com outras siglas pode bloquear seu sonho de chegar ao governo. Seu candidato a primeiro-ministro é Luigi Di Maio, de 31 anos, vice-presidente da Câmara dos Deputados. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos