Topo

Cinema italiano em 2017 registra pior bilheteria em 4 anos

10/01/2018 17h18

ROMA, 10 JAN (ANSA) - O número de visitantes e ingressos vendidos nos cinemas da Itália sofreu uma drástica queda no ano passado em relação a 2016, tendo a pior bilheteria dos últimos quatro anos. De acordo com dados de 2017 publicados pela Indústria Cinematográfica e Audiovisual da Itália (Anica), apenas cerca de 17 milhões de pessoas foram ao cinema, uma redução de 46,35%. Já o número de ingressos vendidos também teve uma queda de 44,21%.   


A quota de bilheteria de 17,64% é a pior dos últimos quatro anos. Em 2017, o cinema italiano recolheu cerca de 89 milhões de euros a menos do que em 2016, ano em que as produções "Quo Vado" (arrecadação de 65,3 milhões de euros) e "Perfetti" (17,3 milhões).   


Além disso, no ano passado, nenhuma produção nacional ultrapassou a receita de 10 milhões de euros. No entanto, os melhores resultados foram registrados nas bilheterias de "Mister Felicità", dirigido por Alessandro Siani, e "L'ora legale", de Salvatore Ficarra e Valentino Piccone, que arrecadaram 10,3 milhões de euros e 10,2 milhões respectivamente. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.