Morre Stefano Ganci, o 'superkiller' da máfia Cosa Nostra

PARMA, 10 JAN (ANSA) - O mafioso italiano Stefano Ganci, 55 anos, faleceu na Itália vítima de um ataque cardíaco, informou o Hospital de Parma nesta quarta-feira (10). Apesar da notícia ter sido divulgada hoje, o falecimento ocorreu no fim do ano passado e o corpo passou por uma autópsia para confirmar a causa da morte.   

Ganci era considerado um dos "superkillers" da máfia siciliana, sendo um dos mais fiéis aliados do chefão mafioso Salvatore Totò Riina. Ele estava cumprindo uma pena de prisão perpétua, além de outras condenações, no presídio de Parma. Entre os principais crimes cometidos por ele, estão os assassinatos do conselheiro-instrutor Rocco Chinnici (1983) e do vice-delegado Ninni Cassarà (1985).   

Ganci também foi condenado a 26 anos de prisão por fazer parte do comando da Cosa Nostra que planejou o ataque terrorista contra o juiz Paolo Borsellino em 19 de julho de 1992. Ao lado de Giovanni Falcone, o magistrado tornou-se um dos símbolos da luta da Justiça contra as infiltrações mafiosas no poder.   

O mafioso era filho do líder do clã Noce, Raffaele Ganci, e, assim como seus dois irmãos, Mimmo e Calogero, tornou-se um dos maiores assassinos do grupo mafioso. No entanto, diferentemente dos irmãos, Calogero decidiu colaborar com a Justiça e revelou diversas informações sigilosas sobre a organização.   

Segundo ele, Riina tinha o "clã Noce no coração", tal era a fidelidade dos irmãos e do pai ao "chefe dos chefes".   

Formalmente, eles eram donos de alguns açougues e usavam os estabelecimentos tanto para lavar dinheiro da máfia como para proteger mafiosos que eram procurados pela polícia.   

No entanto, com Ganci serão levados para o túmulo muitos segredos da Cosa Nostra, assim como ocorreu na morte de Riina, em novembro do ano passado.   

O corpo dele será levado de volta para a Sicília, mas a Justiça já proibiu que seja feita qualquer cerimônia pública para o mafioso. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos