5 cidades com exposições imperdíveis na Itália em 2018

BRÉSCIA, 15 JAN (ANSA) - Das fotografias de Kertész em Gênova àquelas de Steve McCurry em Pavia, passando pelas telas de Picasso e Giorgio De Chirico em Brecia, e pelos desenhos de Correggio e Guercino em Modena. As exposições de arte podem representar um bom motivo para organizar uma viagem que seja sinônimo de beleza e conhecimento. Confira 5 cidades para visitar na Itália, unindo turismo e cultura. Bréscia: A mostra "Picasso, De Chirico, Morandi: 100 obras do século XIX e XX das coleções particulares brescianas", ficará no Palazzo Martinengo de 20 de janeiro a 10 de junho, e apresenta uma seleção de obras provenientes das mais refinadas e importantes mansões de Bréscia. Sob organização de Davide Dotti, a exposição oferecerá ao público a possibilidade de admirar artistas como Balla, Boccioni, Depero, De Chirico, Savinio, Morandi, Carrà, Pisis, Sironi, Burri, Manzoni, Vedova e Fontana. Gênova: Considerado o mestre professor do fotógrafo Henri Cartier-Bresson, André Kertész será homenageado com uma grande retrospectiva de seu trabalho. A mostra ficará no Palazzo Ducale de Gênova, de 24 de fevereiro a 16 de junho. A exposição, sob cura de Denis Curti, percorre, através de 180 imagens, a carreira de 50 anos do fotógrafo húngaro nascido em Budapeste, em 2 de julho de 1894.   


Ele focava seu trabalho na capacidade de descrever as emoções passageiras, mas também a poesia da vida cotidiana. Pavia: "Será uma viagem cheia de emoção e experiências da Índia, Afeganistão, Myanmar, Japão, Cuba e Brasil" - Essa é a proposta da mostra do fotógrafo Steve McCurry na cidade de Pavia.   


Sob organização de Biba Giacchetti, a exposição ficará aberta de de 3 de fevereiro a 3 de junho no Castello Visconteo. Serão exibidas 100 imagens que marcaram os 40 anos de carreira do fotógrafo norte-americano. A mostra ressalta o seu grande talento em relatar as condições humanas e mudanças na sociedade pelo mundo.   


Dentre as principais imagens, estará o retrato de Sharbat Gula, fotografada em um campo de refugiados. Modena: Na Galleria Estense de Modena, de 17 de fevereiro a 13 de maio, haverá uma seleção de desenhos de autores como Correggio, Nicolò dell'Abate, Lelio Orsi, Ludovico, Agostino Carracci, Scarsellino, Guido Reni e Guercino.   


As obras - de estudos livres de invenções a desenhos preparatórios - são parte do grande patrimônio das coleções conservadas no depósito da Galleria. Catanzaro: Entitulada de "O Milênio é Adulto", a exposição coletiva, do curador Luca Beatrice, será exibida de 13 de janeiro a 20 de março no Marca Museu de Arte de Catanzaro.   


A mostra oferece um foco nos anos 2000 e os seus protagonistas: Partindo de objetos e pessoas já obsoletos, como as fichas telefônicas, as fitas cassete, os disquetes, mas também apresentando as tecnologias mais atuais, como o Facebook, Spotify e Netflix. O objetivo é contar a história dos 18 anos do novo milênio pelo olhar de 10 artistas, que, durante os anos 2000, estavam estudando ou dando os primeiros passos em inovações tecnológicas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos