Polícia chilena dispersa manifestantes durante missa do Papa

SANTIAGO, 16 JAN (ANSA) - Manifestantes que pretendiam se aproximar do Parque O'Higgins, onde o papa Francisco celebrou sua primeira missa em Santiago, no Chile, foram dispersados pelas forças de segurança.   

O grupo de cerca de 200 pessoas incluía promotores da chamada "Marcha dos pobres", não autorizada pelo governo, fiéis da diocese de Osorno, que pediam a Jorge Bergoglio o afastamento do bispo Juan Barros, acusado de encobrir casos de abuso sexual, e o padre operário Mariano Puga.   

Em determinado momento, alguns manifestantes entraram em confronto com os carabineiros, mas não há registro de feridos.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos