Michael Douglas é acusado de assédio sexual nos anos 1980

NOVA YORK, 19 JAN (ANSA) - A escritora e jornalista Susan Braudy acusou o ator norte-americano Michael Douglas de assediá-la sexualmente no final da década de 1980, informou o site "The Hollywood Reporter".   


De acordo com a publicação, Braudy explicou que o caso ocorreu quando ela trabalhava no escritório da produtora de Douglas em Nova York, em 1989. Na ocasião, o ator começou a assediá-la ao fazer comentários sobre seu corpo e sua vida sexual.   


Depois de um tempo, segundo ela, o assédio piorou e Douglas chegou a "introduzir as duas mãos nas calças dasabotadas". "Me dei conta horrorizada de que estava pegando em suas parte íntimas. Em segundo, me pareceu que tinha tido um orgasmo", relatou.   


"Ele pensava ser o rei do mundo e que poderia me humilhar sem qualquer repercussão", disse a escritora ao programa "Today", da NBC News.   


Douglas, por sua vez, curiosamente, se defendeu das acusações no início do mês. "É uma completa mentira, uma farsa, não há nada de verdade nisso", assegurou. A acusação contra Douglas é a mais recente em uma longa série de acusações de mulheres e homens que dizem ter sido vítimas de abusos por homens poderosos da indústria do entretenimento.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos