Papa reza missa para 200 mil em cidade atingida por 'El Niño'

TRUJILLO, 20 JAN (ANSA) - Em seu penúltimo dia de viagem ao Peru, o papa Francisco celebrou neste sábado (20) uma missa para cerca de 200 mil pessoas em Trujillo, a terceira maior cidade do país, com 800 mil habitantes.   

O evento ocorreu na praia de Huanchaco, paraíso de surfistas na costa do Pacífico, em um município que foi um dos palcos das inundações que deixaram mais de 40 mortos no Peru entre dezembro de 2016 e abril de 2017.   

As enchentes foram causadas pelo fenômeno "El Niño" - corrente marítima que eleva as temperaturas do oceano e provoca desordens climáticas - e atingiram sobretudo o bairro de Buenos Aires, percorrido de papamóvel pelo líder católico.   

"Vocês, como os apóstolos, conhecem a força da natureza e experimentaram seus golpes. Vocês tiveram de enfrentar o duro golpe do 'Niño costeiro', cujas consequências dolorosas estão ainda presentes em tantas famílias, especialmente naquelas que não puderem reconstruir suas casas. Até por isso, quis vir rezar com vocês", disse o Papa.   

Durante a missa, Francisco também comparou os fenômenos climáticos com o crime organizado. "Outras tempestades podem chicotear essa costa e possuem efeitos devastadores na vida dos filhos dessa terra. Tempestades que colocam em jogo o valor de nosso espírito. Se chamam violência organizada, como o 'sicariado' e a insegurança que ele cria", acrescentou.   

Jorge Bergoglio fica no Peru até este domingo (21), quando embarcará de volta para Roma. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos