Itália encerra primeira fase da campanha eleitoral

ROMA, 22 JAN (ANSA) - Com 98 símbolos partidários apresentados, a Itália encerrou nesse domingo (21) a primeira fase formal das eleições legislativas marcadas para o dia 4 de março.   

Nesta etapa inicial, os partidos ou movimentos precisavam apresentar qual seria o emblema usado durante toda a campanha eleitoral - desde folhetos até anúncios na internet.   

O último grupo a apresentar foi o "A Itália dos Direitos", com o número de ordem 99. No entanto, o símbolo registrado como o 50 não foi depositado até o fim do prazo legal estipulado pelo Ministério do Interior.   

Como de costume,além dos grandes partidos, a quantidade de listas eleitorais se multiplicaram, indo desde o "Movimento das Mamães do Mundo" até a "W a Física" ou o "Movimento dos Poetas de Ação".   

Ao todo, foram apresentados 104 símbolos, mas verificou-se que, além do "número 50", outros tinham sido duplicados no registro.   

Agora, o Ministério abre um prazo de 48 horas para possíveis integrações e coalizões que possam surgir.   

Depois desse prazo, a próxima etapa formal das eleições é o registro das listas de candidatos, que ocorre entre os dias 28 e 29 de janeiro deste mês. Nesta etapa, por conta da nova lei eleitoral, será preciso apresentar também o nome do líder do partido.   

Já os comícios só poderão ser feitos a partir de 2 de fevereiro.   

Após a votação do dia 4 de março, o Parlamento terá a primeira sessão formal no dia 23 do mesmo mês. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos