Sociais-democratas começam a votar acordo com Merkel

BERLIM, 20 FEV (ANSA) - Começou nesta terça-feira (20) a votação entre os filiados do Partido Social-Democrata (SPD) da Alemanha sobre um acordo para formar um governo de coalizão com a União Democrata-Cristã (CDU), liderada pela chanceler Angela Merkel.   

Ao todo, 463 mil eleitores têm direito a voto no SPD. Eles têm até o dia 2 de março para fazer suas cédulas, acompanhadas de uma declaração juramentada, chegarem à caixa-postal da direção do partido.   

"Se fizermos parte de uma Grande Coalizão, não será uma decisão apenas dos líderes do SPD. Tomaremos essa decisão juntos", afirmou a líder da legenda social-democrata, Andrea Nahles. Ela ocupa o lugar de Martin Schulz, que deixou o comando do partido após a conclusão do acordo.   

A chamada "Grande Coalizão", que reúne os dois principais partidos da Alemanha, já governou o país entre 2013 e 2017, mas, na última campanha eleitoral, Schulz prometera não repetir a aliança com a CDU. Por conta disso, foi pressionado internamente a abrir mão do cargo de ministro das Relações Exteriores, parte do acordo com Merkel. A chanceler venceu as eleições de setembro passado, mas sem garantir maioria suficiente no Parlamento para governar sozinha.   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos