Foto com cédula eleitoral vai gerar multa de ?15mil na Itá

ROMA, 02 MAR (ANSA) - As eleições legislativas na Itália vão ser realizadas neste domingo (4), e para garantir o voto secreto, o Supremo Tribunal do país anunciou que quem tirar uma selfie da cédula eleitoral irá ser multado em até 15 mil euros.   

A medida foi decretada após um morador de Florença, chamado de "Luigi B.", ter tirado uma foto da cédula depois de preenchê-la e publicar em suas redes sociais, nas eleições de 2013. Como consequência, o homem, 77 anos, sofreu uma multa de 15 mil euros.   

A mesma sanção vale para as eleições deste domingo. Na opinião dos magistrados, tirar uma foto da cédula eleitoral preenchida e publicar na web é "particularmente grave", por isso, todos resolveram impor sanções mais duras para quem realizar o ato.   

A Itália enfrenta uma instabilidade política grande, e, até o momento, o cenário é de incerteza quanto a quem será o novo primeiro-ministro do país, já que nenhum partido deverá ter maioria absoluta no Parlamento.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos