PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Atriz pornô revela ter sido ameaçada por caso com Trump

26/03/2018 09h35

WASHINGTON, 26 MAR (ANSA) - A atriz pornô Stephanie Clifford, mais conhecida como Stormy Daniels, afirmou neste domingo (25) ter recebido ameaças quando decidiu falar publicamente sobre seu romance com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.   

Em uma entrevista à rede norte-americana "CBS", a atriz disse que, em 2011, foi abordada por um homem em um estacionamento na época que estava tentando vender sua história com Trump por US$ 15 mil para uma revista.   

"Um cara veio até mim e disse: 'Deixe o Trump para lá. Esqueça essa história'. Aí ele se inclinou, olhou para a minha filha e disse: 'Essa é uma menininha linda. Seria uma pena se acontecesse algo com a sua mãe'", revelou a atriz pornô.   

Ainda segundo Daniels, alguns dias antes das eleições presidenciais dos Estados Unidos, em 2016, Trump fechou um acordo com ela de US$ 130 mil para que ficasse em silêncio sobre o "affair" entre os dois.   

No entanto, por ter descumprido o pacto de confidencialidade, a atriz pornô ressaltou estar correndo riscos de pagar US$ 1 milhão ao republicano.   

Na entrevista, Daniels também revelou que conheceu Trump em 2006, durante um torneio de golfe de celebridades. Após terem sido apresentados, o atual presidente norte-americano a convidou para jantar e conhecer uma das suítes de seu hotel.   

O romance aconteceu pouco tempo depois de Melania ter tido o filho mais novo de Trump, Barron. Daniels questionou o fato, mas segundo ela, o republicano persistiu com a relação extraconjugal.   

"Eu perguntei, e ele só disse 'Ah, é, não se preocupe com isso, temos quartos separados'", revelou Daniels.   

A atriz ainda revelou que fez sexo com Trump sem camisinha e que por um logo tempo continuou tendo contato com o presidente norte-americano por telefone e em eventos.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional