PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Justiça alemã decidirá hoje sobre extradição de Puigdemont

26/03/2018 12h12

MADRI, 26 MAR (ANSA) - A justiça da Alemanha ouvirá nesta segunda-feira (26) o ex-presidente da Catalunha Carles Puigdemont, detido ontem pela polícia alemã, durante audiência que poderá decidir sobre uma possível extradição do líder independentista para a Espanha. Puigdemont foi preso pela polícia alemã ontem (25) enquanto cruzava a fronteira com a Dinamarca. Ele estava de carro e seguia para a Bélgica, onde vive em autoexílio desde o fim do ano passado.   

De acordo com o serviço secreto espanhol, um chip foi instalado no carro de Puigdemont antes de regressar da Finlândia.   

A vice-primeira-ministra espanhola, Soraya Sáenz de Santamaria, disse que a detenção do catalão é uma "boa notícia" e mostra que "ninguém pode tirar sarro da justiça espanhola".   

O Ministério Público de Schleszig informou que o comparecimento do catalão à audiência "tem por objetivo único verificar a identidade da pessoa".Em comunicado, as autoridades afirmaram que o tribunal regional deverá decidir sobre sua extradição.   

A audiência está prevista para ocorrer no fim da tarde desta segunda-feira. "O tribunal estabelecerá com base em documentos entregues pelo Reino da Espanha se a entrega de Puigdemont às autoridades espanholas tem base jurídica", explica o texto.   

A prisão de Puigdemont provocou diversas manifestações de independentistas em Barcelona. Milhares de pessoas tomaram às ruas da região neste domingo (25). Pelo menos 87 pessoas tiveram ferimentos leves durante confrontos contra as autoridades locais. Cerca de quatro pessoas foram detidas enquanto tentavam se aproximar da sede do governo, informou a polícia catalã.   

Os manifestantes também bloquearam o trânsito em quatro das principais rodovias da região. Além disso, atearam fogo em diversas lixeiras. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional