PUBLICIDADE
Topo

Internacional

'Rússia não deve agir como vítima', diz porta-voz dos EUA

29/03/2018 17h35

NOVA YORK, 29 MAR (ANSA) - A porta-voz do Departamento de Estado norte-americano, Heather Nauert, se manifestou a respeito da expulsão de 60 diplomatas do país pelo governo russo.   

"A Rússia não deve agir como se fosse uma vítima. As suas decisões são desagradáveis e arbitrárias", declarou. "Os EUA se reservam o direito de responder à decisão da Rússia de expulsar 60 diplomatas norte-americanos e fechar o Consulado dos Estados Unidos em São Petersburgo", acrescentou.   

O embaixador dos EUA na Rússia, Jon Huntsman, também comentou o assunto. "Esta decisão demonstra como Moscou não está interessada em dialogar com os Estados Unidos sobre questões importantes", disse. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional