Topo

Trump quer retirar tropas norte-americanas da Síria

03/04/2018 18h18

WASHINGTON, 3 ABR (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, manifestou interesse em retirar as tropas norte-americanas da Síria, durante uma coletiva de imprensa nesta terça-feira (3).   

O líder também prometeu uma decisão "muito rápida" sobre o retorno dos militares aos EUA. O anúncio foi feito na Casa Branca, em uma reunião conjunta com os líderes dos países bálticos, Letônia, Estônia e Lituânia.   

O presidente já havia declarado que queria o fim do uso militar em território sírio, mas somente quando o grupo extremista Estado Islâmico fosse derrotado - a milícia já não controla nenhuma área no país árabe.   

"Eu quero sair. Eu quero trazer nossas tropas para casa", disse, na última quinta-feira (30), durante um discurso. "Estamos lá por uma razão: encontrar o Estado Islâmico, acabar com ele e ir para casa", acrescentou.   

Atualmente, mais de 2 mil militares norte-americanos atuam no leste da Síria para enfrentar o EI, dando suporte a uma coalizão internacional que realiza sobretudo ataques aéreos.   

Além disso, estima-se que o governo de Washington já tenha gastado US$ 7 trilhões no Oriente Médio, o que, na opinião de Trump, não trouxe "nada além de morte e destruição". Para ele, tal dinheiro "poderia ser melhor gasto com projetos domésticos".   

(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.