Morte de Martin Luther King completa 50 anos

MEMPHIS, 04 ABR (ANSA) - A morte do pastor e ativista norte-americano Martin Luther King Jr. completa 50 anos nesta quarta-feira (4).   

Nascido na cidade de Atlanta, nos Estados Unidos, Luther King foi doutor em Teologia e pastor da Igreja Batista, onde iniciou sua luta pela igualdade de direitos para negros e brancos no país. A dedicação na luta pelos direitos civis transformou Luther King em um dos maiores símbolos desta causa, sendo relembrado até os dias de hoje. Algumas das suas reivindicações foram o direito ao voto e o acesso de pessoas negras ao mercado de trabalho.   

Luther King ficou conhecido internacionalmente após o seu famoso discurso "I Have a Dream", em 1963, na qual falou para mais de 250 mil pessoas em uma manifestação em Washington D.C.   

O combate contra a desigualdade social sem usar a violência, rendeu ao ativista o Prêmio Nobel da Paz, em 1964.   

Momentos antes de uma marcha, no dia 4 de abril de 1968, em Memphis, no Tennessee, Luther King foi assassinado por um atirador enquanto estava na sacada de um hotel.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos