Papa teria dito para freira recomendar preservativo

CIDADE DO VATICANO, 04 ABR (ANSA) - Uma freira argentina confessou que o papa Francisco lhe aconselhara a recomendar o uso de preservativo e diafragma como métodos contraceptivos.   

A revelação foi feita pela irmã Martha Pelloni, docente e integrante da ordem das Carmelitas Missionárias Teresianas, durante entrevista a uma rádio de seu país.   

"Falando desse tema, o papa Francisco me disse três palavras: preservativo, transitório e reversível. Um diafragma e, em último caso, que é o que aconselhamos às mulheres do campo, ligadura das trompas [laqueadura]", declarou a freira.   

No entanto, ela não especificou a data nem o contexto em que ocorrera o diálogo. "Se há educação sexual e responsabilidade do Estado para atender mulheres em situação de pobreza, não precisaremos descriminalizar o aborto, porque não seria necessário abortar", acrescentou.   

A entrevista foi dada no âmbito dos debates sobre a possível descriminalização do aborto na Argentina, tema que está em discussão no Congresso. A Igreja Católica é tradicionalmente contrária ao uso de preservativos, já que, em sua visão, a relação sexual deve ter a reprodução como único fim. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos