Trump ordena envio de militares para fronteira com México

WASHINGTON, 04 ABR (ANSA) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou nesta quarta-feira (4) um memorando que determina o envio da Guarda Nacional, subordinada às Forças Armadas, para a fronteira com o México.   

A medida é uma reação de Trump às dificuldades para conseguir financiar o muro na divisa entre os dois países, uma de suas principais promessas de campanha. "Vamos vigiar a fronteira com os militares. É um grande passo", havia dito o republicano na terça passada (3).   

O último orçamento federal, aprovado em março e referente até 30 de setembro, prevê apenas US$ 1,6 bilhão para a construção do muro, menos de um décimo do valor necessário. Além disso, Trump ainda não conseguiu explicar como fará o México pagar pela obra, já que o país latino rechaça essa hipótese.   

Segundo o memorando assinado pelo presidente, os departamentos de Defesa e Segurança Interna trabalharão em conjunto com os estados fronteiriços para reforçar a proteção na divisa e combater a imigração clandestina e o tráfico de drogas. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos