Confrontos na fronteira de Gaza deixa palestinos mortos

TEL AVIV, 6 ABR (ANSA) - Diversos manifestantes palestinos e militares do Exército israelense voltaram a se enfrentar nesta sexta-feira (6) perto da fronteira entre Gaza e Israel. Os conflitos já deixaram pelo menos cinco palestinos mortos e mais de 1 mil ficaram feridos, segundo o departamento de Saúde da região.   

De acordo com as autoridades locais, no início da manhã, centenas de palestinos atearam fogo em pneus e lançaram pedras nos soldados de Israel, que responderam com tiros e gás lacrimogêneo.   

O novo ato acontece uma semana depois de um dos dias mais mortíferos e mais sangrentos desde a guerra em 2014, ocorrida entre Israel e Hamas. Em 30 de março, uma série de protestos matou 19 palestinos e feriu mais de 1400.   

Este é o segundo dia de seis semanas da série de manifestações chamada "Marcha do Retorno", convocada pelo grupo terrorista palestino Hamas, contra o bloqueio fronteiriço.   

O clima de tensão ganhou força, principalmente para repudiar a decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos