Roma abre inquérito para apurar atraso em reforma de buracos

ROMA, 12 ABR (ANSA) - A prefeita de Roma, Virginia Raggi, ordenou nesta quinta-feira (12) a abertura de uma investigação interna para analisar as causas da lentidão das obras rodoviárias para a manutenção e reparação de buracos.   

O objetivo de Raggi é verificar por qual motivo é difícil encontrar funcionários e autoridades municipais disponíveis para compor as comissões para conceder as licitações. "O errado tem que pagar, a paciência acabou. Eu quero uma resposta para dar aos cidadãos, quero saber porque as comissões não se juntam", indagou Raggi.   

A prefeitura tem mandado constantemente equipes para tapar os buracos que têm surgido nas ruas da capital. Nesta manhã, mais uma cratera se abriu na via Flaminia, e boa parte da rua precisou ser isolada. Bombeiros, policiais municipais e uma empresa de manutenção intervieram no local. "Houve um pequeno buraco nos últimos dias. Eles fizeram inspeções, mas obviamente subestimaram o problema. Acho que o buraco foi causado por um problema no sistema de esgoto", explicou um morador da região.   

Os buracos são uma reclamação frequente dos romanos, especialmente depois das cratera que surgiram na cidade por conta das chuvas das últimas semanas. "Uma vez que os atrasos na reparação de estradas produzir danos aos cidadãos e comprometer a segurança de motoristas e motociclistas, pedimos a Raggi para comunicar os resultados da sua investigação e os nomes dos funcionários envolvidos", ressaltou Carlo Rienzi, presidente da Codacons, entidade dos direitos dos consumidores.   

De acordo com dados da prefeitura, até 31 de março, a "cidade eterna" já havia contabilizado pelo menos 44 buracos de grandes dimensões em suas vias. Entre 1998 e 2008, a média anual foi de 16. Em apenas um dia, pelo menos 50 carros já foram danificados por causa das crateras de até 40 centímetros. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos