Confrontos em Gaza deixam mais de 350 palestinos feridos

TEL AVIV, 13 ABR (ANSA) - Pelo menos 363 pessoas ficaram feridas nesta sexta-feira (13) durante novos confrontos na fronteira entre Israel e a Faixa Gaza, informou o ministério da Saúde de Gaza.   

Milhares de palestinos se reuniram em diferentes locais da região, onde soldados israelenses foram atacados com pedras e responderam com tiros.   

Esta é a terceira sexta-feira de protestos na fronteira com Israel. Desde 30 de março, 33 palestinos já morreram e milhares ficaram feridos pelo Exército. A série de manifestações foi convocada pelo grupo Hamas e terá duração de seis semanas para protestar contra o bloqueio fronteiriço do enclave palestino. Além disso, a "Marcha do Retorno" exige o direito de cerca de 700 mil palestinos expulsos de suas terras, ou que fugiram da guerra de 1948, a voltarem para seu território. Os confrontos mais sangrentos ocorreram em março, quando 19 palestinos morreram e mais de 1,1mil ficaram feridos, e em 6 de abril. Na ocasião, sete morreram e mais de 1 mil ficaram feridos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos