França revogará condecoração dada a Assad em 2001

PARIS, 16 ABR (ANSA) - A França iniciou um procedimento para revogar a Grande Cruz da Legião de Honra concedida ao presidente da Síria, Bashar al Assad, em 2001, durante o mandato de Jacques Chirac.   

Fontes próximas ao atual presidente francês, Emmanuel Macron, afirmaram à ANSA que uma ação disciplinar para tirar a condecoração de Assad "foi iniciada". A medida chega sete anos após o começo da sangrenta guerra civil síria e poucos dias depois de Paris ter bombardeado alvos do regime em Damasco e Homs.   

A Legião de Honra é a principal honraria concedida pelo Estado da França e foi dada a Assad logo no início de seu governo, quando Chirac estava convencido de que ele fosse mais aberto a ideias democráticas que seu pai, Hafez al Assad.   

Um decreto em vigor desde 2010 prevê que cidadãos estrangeiros percam a medalha caso cometam atos "contrários à honra". A França acusa Assad de realizar ataques químicos na Síria. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos