Incêndio criminoso em karaokê deixa 18 mortos na China

PEQUIM, 24 ABR (ANSA) - Pelo menos 18 pessoas morreram e cinco ficaram feridas em um incêndio em um karaokê no município de Qingyuan, no sul da China, na noite desta segunda-feira (23).   

De acordo com as autoridades, um homem foi preso acusado de ser o suposto autor do crime. A polícia o identificou como Liu Chunlu, de 32 anos, que teria ficado ferido no estabelecimento, mas chegou a fugir do local, após, supostamente, cometer o incêndio.   

A partir disso, as autoridades ofereceram uma recompensa de 200 mil iuanes (aproximadamente US$32 mil) por mais informações, o que ocorreu em seguida.   

Segundo a agência de notícias "Xinhua", desde as primeiras investigações já havia a suspeita de que o incêndio tivesse sido cometido propositalmente. O Departamento de Segurança Pública de Qingyuan relatou ter recebido um pedido de socorro por volta das 00h30 (horário local), quando acionou as equipes de bombeiros. O fogo foi contido em menos de 30 minutos. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos